como vender pela internet

Como vender pela internet com o auxílio dos marketplaces?

 

Os marketplaces têm movimentado o comércio online, contribuindo para a expansão do e-commerce e tornando-se uma ferramenta de vendas poderosa. Por isso, eles têm atraído a atenção de empresas que desejam ampliar a sua visibilidade em diversos canais de vendas. Mas você sabe como vender pela internet com o auxílio dos marketplaces?

Para começar a vender em um marketplace, você precisa primeiramente cadastrar-se como um parceiro por meio de um integrador de marketplaces. Feito isso, é só começar a aplicar as  dicas do nosso superguia e, assim, otimizar os resultados das suas vendas na internet com a ajuda do marketplace. Vamos lá!

Faça descrições de produtos

A descrição do produto é extremamente importante para aumentar as suas vendas online. Pois uma descrição bem-feita sobre a solução que você oferece pode levar o consumidor a concluir uma compra.  Além do mais, ela influencia nas suas estratégias de SEO. Com uma descrição relevante, as pessoas poderão encontrar a sua página na internet com mais facilidade em sites de buscas, como o Google, Yahoo, Uol e Bing.

Como vender mais pela internet por meio da descrição de produtos?

Encontre as palavras-chave estratégicas

É muito importante escolher com cuidado as palavras-chaves da descrição do conteúdo, pois é por meio delas que o seu produto será encontrado em sistemas de buscas. Elas devem aparecer naturalmente nos títulos e nas descrições.  Como escolher a palavras-chave? Em ferramentas específicas, como Google Keyword Planner, Keyword In e Soovle.

Saiba quem é o seu público

Pense em quem comprará os seus produtos. A partir daí, crie uma persona para comunicar-se de forma mais eficiente com os seus potenciais clientes. Compreenda as suas frustrações, dores e desejos. Com essas informações, mostre que você tem a solução para os seus problemas.

Descreva os detalhes básicos dos produtos

É hora de começar a vender o seu produto e uma boa descrição dos detalhes básicos faz toda a diferença nesse momento. Então, descreva detalhes como materiais, recursos e funções do produto. Os detalhes básicos são essenciais para tirar as dúvidas dos consumidores.

Use também os cinco sentidos para descrevê-los

A melhor maneira de conquistar um cliente é despertando nele emoções e sentimentos. Portanto, utilize palavras que descrevem sensações e ative os gatilhos emocionais dos clientes. Por exemplo, se você comercializa alimentos pode utilizar expressões como sabor original, derrete na boca e aromas intensos.

Disponibilize medidas detalhadas

Quando se trabalha com roupas, algumas dúvidas muito comuns surgem: Qual o tamanho da cintura? Será que vai servir em mim? Para responder a essas e outras perguntas dos seus potenciais clientes disponibilize uma tabela com medidas detalhadas para cada parte do corpo.

Adote um tom de voz consistente com a marca

A abordagem adotada para comunicar-se com os consumidores deve estar coerente com a sua marca. Para tanto, pense na sua persona e na cultura de sua empresa. O que ela busca em um produto que você vende: qualidade ou estar na moda? A partir dessas informações, você será capaz de saber como falar com o seu público.

Apresente os benefícios

Você pode listar embaixo de sua descrição principal os benefícios que o seu produto oferece aos clientes. Por exemplo, se você vende calçados esportivos pode ressaltar que eles são anatômicos, aerodinâmicos, confortáveis e feitos com a mais alta tecnologia.

Incentive os comentários de produtos

Algumas pessoas precisam de uma prova social para se convencerem de que o produto oferecido vale a pena ser comprado. Nesse caso, os comentários são uma poderosa ferramenta de persuasão. Incentive as avaliações dos seus produtos para torná-los mais atraentes.

Defina o seu diferencial

Encontre a diferenciação perfeita do seu produto para destacar-se da concorrência. Seu diferencial pode ser preço, qualidade, atendimento, localização, identidade visual, agilidade, experiência e muitos outros. Para definir o seu diferencial, você precisa conhecer muito bem o seu negócio.

Dê uma atenção especial às imagens

Boas fotos podem aumentar o volume de suas vendas do e-commerce, por isso dê uma atenção especial a elas. Como os seus clientes não podem tocar ou ver pessoalmente os seus produtos, as imagens tornam-se uma boa ferramenta para aumentar as chances de vender os seus produtos.

Imagine a seguinte cena: um consumidor entra em um site, analisa as informações do produto, mas ainda está indeciso. Então, decidi ver as imagens do produto, mas elas estão embasadas ou muito pequenas. Com isso, não consegue ver os detalhes do produto.

Se você fosse, compraria o produto? Provavelmente a sua resposta seria não. Você não faria isso porque não consegue ver o produto com nitidez e, talvez, porque desconfie que a loja não seja confiável.  Viu como a qualidade das imagens são importantes? Então, confira a seguir como você pode melhorar as imagens do produto no marketplace.

Quero vender pela internet: como faço isso utilizando imagens?

Tamanho e ângulo

Já vimos que uma imagem pequena não é uma boa opção, mas também não extrapole no tamanho dela, pois um tamanho muito grande pode afetar o carregamento da página.  Alguns marketplaces já tem tamanho definido para as imagens. Lembre-se de tirar fotos de vários ângulos do produto para mostrar os detalhes.

Fotos com zoom ou 360º

O Zoom é um recurso muito útil para os consumidores, pois permite visualizar melhor os detalhes, como a textura do produto. Dependendo do tipo de negócio a função 360º pode ser interessantes. Ela é indicada para empresas que trabalham com decoração e podem mostrar o resultado do seu trabalho.

Formato e cor

O formato mais comum é o jpeg, por não ocupar muito espaço. Mas ele pode fazer com a qualidade fique baixa. Já o formato png também não ocupa muito espaço, mas garante uma qualidade melhor. Quanto a cor, ela deve conversar com o estilo do seu site. Pode ser cores mais intensas ou naturais.

Tratamento

Tente não manipular muito as imagens. Apenas faça as correções de cores necessárias, pois o seu produto deve estar o mais próximo possível da realidade. Para garantir a qualidade das fotos escolha uma boa câmera fotográfica ou utilize um banco de dados confiável.

Fundos

Tente criar padrões para as suas imagens ao adotar um estilo de fundo. Você pode utilizar fundos transparentes ou brancos. No caso de fundos brancos, eles permitem destacar o seu produto e as suas nuances.

Cenários reais

Você pode tirar fotos incríveis em cenários comuns, e que farão muita diferença na hora de atrair a atenção dos consumidores. Quanto mais realista for o seu cenário, maior é a chance de seu cliente se identificar com os produtos e, assim, ter o seu desejo de comprá-los despertado.

Se você tivesse uma loja virtual de moda praia, o que faria com que você vendesse mais o seu produto: uma modelo em um cenário interno com um biquíni ou uma modelo na praia usando o mesmo biquíni da sua marca enquanto relaxa?

Vale lembrar que também é interessante utilizar vídeos, principalmente quando se trata de prestação de serviços. Esses vídeos podem ser tutoriais de como utilizar produtos ou depoimentos chaves de clientes que obtiveram resultados significativos ao utilizar o seu produto ou serviço.

Divulgue bastante e de forma correta os seus produtos

A publicidade nos negócios é essencial para destacar os seus produtos em um ambiente competitivo, onde vários lojistas vendem produtos similares. É por meio dela que você vai mostrar a importância dos seus produtos e torná-los atrativos para os consumidores.

Embora o marketplace seja uma opção boa para vender pela internet, algumas empresas encontram dificuldades em como aumentar as suas vendas nesse canal para além de uma boa descrição do produto e da utilizada de fotos de qualidade. Pensando nisso, separamos algumas dicas valiosas para anunciar e divulgar em um marketplace. Confira!

Como divulgar e ganhar dinheiro na internet?

Pratique preços competitivos

Diante de tanta concorrência, é importante praticar preços competitivos em marketplaces. Pois quando um consumidor está procurando por um produto, ele inicialmente avalia o preço e a qualidade entre os concorrentes. Então, avalie os preços oferecidos pela concorrência. Se o seu potencial cliente considera o preço como um dos fatores que determina a compra, coloque em evidência os preços dos seus produtos.

Ofereça produtos ou serviços complementares

Oferecer produtos complementares é uma forma de você divulgar outros produtos e, assim, ter a oportunidade de gerar mais vendas para o seu negócio. Outra maneira de conquistar os consumidores é oferecendo serviços complementares. Por exemplo, se você vende produtos eletrônicos pode informar aos seus clientes que também presta assistência estendida. A partir de um produto, você pode divulgar outro produto ou um serviço que a sua empresa oferece.

Integre estratégias

Integre os seus canais de comunicação e vendas para melhorar a experiência dos seus clientes. Esse é o famoso marketing omnichannel. Além de fazer a integração com o marketplace para vender mais, você também pode unificar a gestão deles. Mas vamos falar nisso mais adiante!

Ao integrar esses dois canais, você torna a divulgação mais eficiente e os consumidores podem verificar a existência de estoque de determinado produto e optar por retirá-los diretamente na loja para não ter que esperar a entrega em sua casa.

Trabalhe marketing de conteúdo e e-mail marketing

Investir em marketing de conteúdo aliado ao e-mail marketing é uma poderosa ferramenta para conquistar e fidelizar os clientes adquiridos pelo marketplace. Mas lembre-se de que  conteúdo de ser relevante e útil para a sua persona. Os conteúdos podem ser vídeos, posts, infográficos, guias, e-books e muito mais. Esses conteúdos podem estar disponibilizados em um blog no seu site. Utilize o e-mail com o link desses conteúdos para redirecionar os seus clientes para a sua página na web.

Com isso, você torna-se referência no assunto e aumenta as suas chances de vender mais no marketplace, uma vez que os conteúdos podem ajudar a sua página a ranquear melhor nos sites de buscas e ter mais visibilidade no ambiente online.

Valorize a sua credibilidade

Você sabe como construir credibilidade para a sua empresa? Ela é importante para divulgar os seus produtos e deve ser valorizada na hora de conquistar clientes. Você deve passar credibilidade aos clientes para alavancar as vendas. Isso pode ser feito por meio de selos de segurança, se você vende produtos alimentícios. Os depoimentos de clientes, seja por meio de textos ou vídeos, são provas sociais que também transmitem mais credibilidade ao seu negócio.

Automatize os processos

A automatização dos processos de vendas é essencial para as empresas sobreviverem atualmente. Conheça alguns benefícios que farão com que você ache essa estratégia atraente para os seus negócios:

  • ao automatizar as vendas da sua loja virtual, as tarefas e procedimentos manuais diminuem. Dessa forma, os erros são minimizados;
  • as vendas fluem mais rapidamente, otimizando tanto o tempo dos vendedores quanto dos clientes. Isso aumenta a satisfação de todos e os seus colaboradores podem concentrarem-se em outra atividade que demanda mais atenção;
  • a automatização permite a sua empresa ter mais controle sobre os processos e as informações, que estão devidamente disponibilizadas em um software, podendo ser acessadas a qualquer momento para a tomada de decisões;
  • proporcionada pela automatização, a diminuição de custos é outro benefício significativo. Ele se dá por meio da redução de pessoal para fazer determinadas tarefas e diminuição de erros em procedimentos que acarretam despesas extras.

Agora que você já sabe quais são os principais benefícios com a automatização da sua loja virtual, vamos conferir as atividades que podem ser automatizadas. Vamos lá!

Como vender pela internet com mais segurança ao automatizar os processos de vendas?

Atendimento ao cliente

A automatização do atendimento ao cliente já é uma tendência e uma necessidade para melhorar a sua experiência dele durante o processo de compra. Por meio do atendimento automático, as dúvidas mais recorrentes podem ser respondidas, de maneira rápida e eficiente.

Ações de marketing

Existem alguns programas eficientes para ajudar nas suas ações marketing. Alguns são capazes de pausar anúncios quando os estoques estão em falta. A automatização também pode ser explorada no envio de e-mails marketing para fidelizar os clientes.

Pedidos e entrega

Automatize a confirmação dos pedidos, ou seja, utilize um sistema em que o cliente receba um e-mail de confirmação do pedido. Também aposte em um software que dialogue com os sistemas de entrega das transportadoras para que o cliente rastreie o pedido e saiba o prazo de entrega.

Integradores de marketplaces

Para que as informações no e-commerce fiquem descentralizadas e não gere problemas com pagamentos, estoque e geração de pedidos você deve integrar a gestão da sua loja virtual com o marketplace. Para tanto, utilize um integrador de marketplace que permite gerenciar informações de vendas em só lugar.

Gestão de preços

Algumas ferramentas de automatização permitem pré-configurar o preço mínimo e o preço máximo de venda de cada produto com base nos preços praticados pela concorrência. Com isso, as suas chances de perder vendas são minimizadas.

Cuide da experiência do usuário

O termo experiência do usuário ou user experience (UX), em inglês, tem ganhado cada vez mais relevância no marketing digital. Mas você sabe o que isso significa? Basicamente consiste na experiência do cliente quando ele tem contato com a marca.

A experiência do usuário está relacionada à satisfação do usuário quando ele acessa a sua página na internet. Se a experiência de compra for positiva, o cliente ficará satisfeito e pode tornar-se um cliente fiel à sua marca. Por meio otimização da taxa de conversão (CRO) em e-commerce, é possível melhorar a experiência do cliente.

Como oferecer uma boa experiência e, assim, vender mais pela internet?

Veja os pilares da experiência do usuário que otimizam a taxa de conversão (CRO) e contribuem para o aumento das vendas.

Usabilidade

O site deve ser simples de navegar e também intuitivo, pois o usuário precisa entrar no seu site e encontrar tudo o que precisa de maneira rápida e fácil. Para saber se o seu site tem uma boa usabilidade responda:

  • Quantos passos são necessários para finalizar uma compra?
  • O processo de checkout de vendas é fácil?
  • Os contatos da empresa são facilmente encontrados?
  • A página demora para carregar?

Para melhorar a usabilidade do seu site utilize uma linguagem simples e clara, crie estruturas das informações na página bem definidas, tenha conteúdos objetivos; estruture o site com links de fácil memorização, reduza a quantidade formulários, automatize o preenchimento automático de dados em novas compras e coloque o contato em destaque.

Utilidade

O conteúdo tem que ser útil e estar disponível para o usuário. Ao fazer a descrição dos seus produtos, certifique-se de que as informações respondem às principais dúvidas do seu público. Bem como se elas são compreensíveis por eles e se não há erros gramaticais.

Também aposte na qualidade e relevância dos conteúdos do seu blog para melhorar o seu posicionamento em sites de  buscas e, assim, aumentar as suas chances de vender mais pela internet. Ter uma boa estratégia de marketing de conteúdo é fundamental para isso.

Acessibilidade

A acessibilidade diz respeito ao acesso facilitado para qualquer pessoa aos conteúdos de uma página na web. Isso inclui pessoas com deficiências visuais, auditivas, físicas e outras. Para melhorar esse requisito, o seu site pode ter a opção de zoom de letras e imagens. Os formulários com erros de preenchimento além de terem a borda vermelha, também pode conter um ícone ou apoio textual.

Seu site também pode disponibilizar legendas em vídeos. Ou a opção de ouvir o conteúdo na página. Essas são algumas formas de tornar o seu site mais acessível para todos.

Funcionalidade

A página deve ser funcional, ou seja, cumprir com o objetivo para o qual ela foi desenvolvida ao permitir ao usuário a habilidade de fazer coisas. Para tanto, desenhe um design responsivo, que funcione corretamente no celular, no computador ou no tablet do usuário. A funcionalidade também está presente na utilização dos recursos da página, como na ampliação de imagens, processos de pagamentos online, botões de adicionar no carrinho e segurança no logout.

Conte com a ajuda de uma consultoria

O mercado está em constante transformação e, com isso, surgem novos desafios de anunciar e vender na internet. Para enfrentar esses obstáculos e superar a concorrência, muitas empresas têm contado com auxílio de consultorias para entrar em marketplaces.

Contratar uma consultoria pode trazer experiências e conhecimentos para a sua empresa, que alavancarão mais rápidos os resultados almejados no e-commerce e nos marketplaces. Confira, a seguir, alguns motivos para contar com a ajuda de uma consultoria.

Implementação de melhorias na gestão

Muitas empresas cometem o erro de contratar uma consultoria apenas quando elas possuem um problema. Assim, vivem apagando incêndios. Além de resolver problemas, as consultorias podem promover melhorias inesperadas. Por isso, conte com uma empresa e potencialize os seus resultados.

Bom custo-benefício

A consultoria não pode ser vista como um gasto, ela é um investimento para o seu negócio. É importante lembrar que esses custos são revertidos em lucros depois. Pois com a expertise da empresa, decisões mais efetivas serão tomadas. Desa forma, elas se apresentam como um bom custo-benefício.

Acompanhamento contínuo

O papel do consultor vai além de propor melhorias. Ele está disponível para esclarecer dúvidas e capacitar as pessoas para utilizar as ferramentas e aplicar estratégias, sempre visando a tomada das melhores decisões.

Rapidez no alcance dos resultados

Os resultados vem com o tempo, mas o tempo desses resultados está relacionado à experiência, ao conhecimento e aos recursos disponíveis. Se a sua empresa não possui esses fatores, provavelmente os resultados demorarão mais para aparecer do que se contasse com a ajuda de uma equipe especializada.

Novos conhecimentos para a empresa

O trabalho da consultoria não é feito de maneira isolada. É uma parceria que deve existir entre ela e a empresa-cliente. Nessa relação haverá trocas de conhecimentos e experiências, que agregarão valor para o seu negócio. Como vimos, para vender pela internet é preciso seguir várias etapas: fazer descrições de produtos, dar uma atenção especial às imagens, divulgar bastante e de maneira correta os seus produtos.

Bem como automatizar os processos para ter mais eficiência nas vendas, cuidar da experiência do cliente e contar com a ajuda de uma empresa especializada no assunto para ajudar na escolha de parceiros no marketplace.

Você ainda tem dúvidas em como vender pela internet? Então, conte com a ajuda da nossa equipe. Nós temos as melhores soluções para ajudar você a gerenciar diversos canais, como lojas físicas, marketplace e e-commerce.

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.