Saiba fazer uma boa gestão de e-commerce com estas 5 dicas

Gestão de e-commerce — como ser bem-sucedido nela? Durante a pandemia do novo coronavírus, o faturamento dos e-commerces do país cresceu consideravelmente. Com o distanciamento social, o setor bateu 47% de crescimento ao longo do período, a maior alta nos últimos 20 anos.

No entanto, para conseguir se beneficiar de todo esse crescimento, esse formato de empreendimento precisa de uma boa gestão. Chamamos de gestão de e-commerce os processos necessários para administrar uma loja online, desde a escolha do catálogo de produtos até a logística que os leva até a casa dos clientes.

Neste artigo, você vai entender melhor como fazer a gestão do seu e-commerce e aproveitar o crescimento do setor para lucrar mais em 2021. Pronto para aprender? Confira os tópicos abaixo!

1. Identifique a plataforma certa para construir seu e-commerce

Quem vai montar uma loja física sabe que o ponto de vendas é a decisão mais importante a se tomar. Onde a sua loja está localizada faz toda a diferença no quanto ela consegue vender ao longo de um período. Na internet, não é muito diferente e o ponto de vendas escolhido, ou seja, a plataforma em que o seu e-commerce funciona, também tem um papel decisivo na performance dele.

Para que o seu negócio seja bem-sucedido, o seu site terá de contar com algumas funcionalidades que os clientes esperam de um e-commerce. Conteúdo personalizado, checkout simplificado e espaço para fazer contato caso haja um problema com os produtos, por exemplo, são todos fundamentais.

Ter uma loja virtual integrada a vários marketplaces pode ser uma grande vantagem para a gestão. A presença em vários canais de venda vai aumentar a visibilidade dos seus produtos e a saída deles.

2. Personalize a sua loja para atender melhor aos clientes

A personalização do conteúdo da sua loja é outra parte estratégica da gestão de e-commerce. Desde a descrição dos produtos até a maneira como você endereça os seus clientes — quanto mais personalizado, melhor. Tenha sempre boas fotos dos seus itens em mãos e informações detalhadas sobre eles para customizar o layout da sua página.

3. Invista tempo e recursos na construção de um catálogo de produtos incrível

O seu catálogo de produtos é tão importante quanto a vitrine em que os expõe. Por isso, invista tempo e recursos na escolha de itens que têm o potencial de fazer sucesso com o seu público-alvo.

Analise tendências de mercado e fique sempre atento às novidades dos seus fornecedores. Isso o ajudará a montar um catálogo de produtos imbatível para levar para os seus consumidores.

4. Equilibre um bom preço e um frete justo para conquistar clientes

O frete pode ser o grande vilão ou o maior triunfo da sua loja. Por causa disso, pensar na logística de distribuição de produtos é uma das prioridades da gestão de e-commerce. Somente com uma boa logística, é possível oferecer um frete competitivo para manter a sua loja virtual de portas abertas.

Clientes compram pela internet pela facilidade de comparar preços e receber os produtos na porta de casa. Faça um bom benchmarking dos seus concorrentes para identificar se os valores que está cobrando pelos seus produtos são compatíveis com os de mercado e esteja sempre em contato com os seus fornecedores para comprar os itens pelo melhor preço.

5. Estude e aprenda mais sobre marketing digital

Todas as lojas podem se beneficiar de um bom marketing digital, mas, para os e-commerces, essa é a parte imprescindível de fazer negócios. Se até uma loja de bairro pode ver crescimento nas suas vendas com um bom perfil no Instagram, uma loja online tem nas redes sociais a sua principal vitrine. Por isso, é necessário investir em conhecer melhor essa área e dominá-la.

Colocar o marketing digital em prática é uma tarefa difícil. Você terá de aprender o jargão da área, descobrir como acompanhar métricas e quais delas são importantes para a sua loja, entre outras atividades. Por isso, invista em cursos e workshops na área para conseguir se destacar.

Há muitas diferenças na gestão de uma loja física e virtual. Por isso, se você quer se aventurar pelas vendas na internet, vai ter de estudar bastante e se preparar para lidar com um negócio que está aberto 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Gostou de conhecer essas dicas de gestão de e-commerce? Assine a nossa newsletter e receba as atualizações do blog direto na sua caixa de e-mails!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.